Houve uma pesquisa recente de campos eletromagnéticos em Bra. O tema das auditorias realizadas pelo Gabinete de Meio Ambiente do Município em colaboração com os engenheiros das Agências Regionais de Proteção Ambiental ARPA de Cuneo e Ivrea e o envolvimento da Associação Italiana de Radio Amadores foi o controle do cumprimento dos limites de emissão em algumas áreas da cidade, seguindo também a sinalização de possíveis interferências eletromagnéticas com uma caldeira doméstica.

Durante o monitoramento, cujo relatório está disponível na seção eletromagnética Ambiente / Poluição do site www.comune.bra.cn.it corporativo, observou-se o nível de campo eletromagnético para baixo e testado o uso de antenas para os radioamadores operando na cidade. O resultado das medidas já totalmente afirmou a respeito dos limites de exposição e valores de alerta para os campos electromagnéticos em todas as frequências usadas, mesmo em condições de potência máxima permitida. Verificou-se também que a interferência relatado com um dispositivo térmico interno dependia de um problema de compatibilidade electromagnética do próprio sistema; a substituição pelo fabricante da placa electrónica da caldeira tiver resolvido o mau funcionamento.

"A pesquisa nos permitiu testar os níveis de campo e exposição em algumas áreas urbanas potencialmente mais expostas, confirmando a plena conformidade com os limites legais, para assegurar a protecção da saúde da população - comentar sobre Bruna Sibille Prefeito e Vereador ambiente Sara Cravero -. Agradecemos ao ARPA técnica e os cidade Ari para a colaboração ativa. No âmbito de um acordo específico com Arpa Cuneo, testes adicionais com diferentes áreas da cidade estão sendo". (Em)


Info: Cidade do Bra - Ambiente do Escritório

tel. 0172.438297 - ambiente@comune.bra.cn.it