É diretor do Escritório de Turismo e Manifesto Municipal, Giuseppe Manassero, organizador do Civic Teatro Politeama of Bra. Foi decidido pela Câmara Municipal durante sua última sessão, que também identificou os critérios para a concessão da instalação. A unidade organizacional dirigida por Manassero já havia seguido na primavera todos os estágios da reabertura do teatro, criando um rico projeto de eventos que abrange todo tipo de entretenimento e reunião que a nova Politeama pode oferecer, para propor um programa adicional de eventos e um orçamento previsional para o engajamento de artistas no executivo municipal.
Na mesma deliberação, a Junta também estabeleceu uma especificação que identifica os critérios para o uso da estrutura de Piazza Carlo Alberto. Aqueles que desejam aproveitar isso terão de se candidatar à Administração da Cidade pelo menos trinta dias antes do evento, com um reembolso de despesas que irão cobrir os custos de gestão. Diferentes contribuições necessárias para o tipo de evento hospedado. Para as iniciativas empresariais, a taxa diária será 3.000 euro para as atividades culturais e artísticas 2.000, enquanto para reuniões para fins sociais, culturais, políticos, de interesse geral ou, em qualquer caso, consideradas de particular interesse pela Administração Cívica, um lucro, o reembolso será do euro 1500. Todos os números se referem ao IVA excluído e aumentados pelo euro 100 se você precisar usar o sistema de aquecimento.
Finalmente, para eventos realizados em colaboração ou com a participação direta da administração municipal, o Giunta estabelecerá a cota requerida de tempos em tempos. O reembolso inclui as despesas de abertura e encerramento do teatro, limpeza das instalações antes e depois do espetáculo, pessoal técnico para gerenciamento de palco e equipamentos, aquecimento, máscaras de sala, equipe de combate a incêndio, seguros. Um aluguel separado é fornecido para o uso do equipamento fornecido no teatro, em particular luzes e áudio. O teatro será concedido a terceiros apenas após o pagamento ao Município do montante devido e um depósito de 2.000 €. (Rg)